Maternidade

Hospital Beneficente Unimar inaugura salas dedicadas e equipadas para incentivar e aumentar número de partos normais

Apenas 8% dos 160 partos realizados em média por mês no Hospital Beneficente Unimar (HBU) são naturais. Mas a estatística, divulgada pela entidade e majoritariamente dominada pelas cesáreas, pode começar a mudar a partir de agora.
A HBU inaugurou na tarde desta segunda-feira (17) duas novas salas equipadas especialmente para as gestantes que desejarem optar pelo normal ou humanizado – neste último caso, agrega procedimentos que ajudam no nascimento do bebê.
“Nossa meta é que com esse novo espaço, alcancemos ao longo do próximo ano algo em torno dos 20% de partos normais”, estimou a diretora superintendente do HBU, Márcia Mesquita Serva Reis. “A cesárea ainda é a primeira escolha das pacientes”.
 
SEGURANÇA
As duas novas salas para partos normais reproduzem ambientes caseiros. São dois quartos com camas – um deles com uma banheira, caso o bebê venha nascer dentro da água. Além de acompanhantes, as gestantes têm atendimento obstetrício 24 horas.
“Vamos oferecer o que há de mais moderno em estrutura e mais procurado pelas mães que hoje buscam por um parto humanizado, com toda segurança oferecida por um hospital”, afirmou a coordenadora do neonatal do HBU, Aline Marzola de Rezende.
Em caso de qualquer intercorrência, basta seguir ao centro obstetrício que fica ao lado. “Somos o único hospital de Marília e região que tem todo o suporte para a mamãe e o bebê”, frisou Márcia Reis. “Temos a maternidade, o Pronto-atendimento obstétrico, a UTI neonatal e para a gestante. É tudo em um complexo só”.
 
CULTURA
O HBU tem um duplo e difícil desafio pela frente para alcançar a desejada proporção de pelo menos um parto normal para cada cinco cesáreas em 2018. Além de precisar convencer as próprias mães, terá que incentivar também os médicos a utilizar o novo espaço.
“Há muitos obstetras acostumados em oferecer cesárea, por conta da segurança hospitalar. É isso que vamos oferecer aqui no HBU, em prol do aumento no número de partos normais”, frisou a diretora. “Nunca vai faltar acompanhamento de nenhuma paciente”.
Entre os médicos que pretendem contar com a nova estrutura do HBU está a obstetra Luci Toledo Cristófaro, que diz incentivar suas pacientes à prática do parto normal através de um curso para gestantes. “De forma carinhosa, aconchegante, temos as incentivado a passarem por esta experiência”, concluiu.
 

Compartilhe!
Deixe seu comentário
Telefone
Diretor Comercial
Marcos Flaitt
(14) 99601-3070
E-mail
rodrigo@revistad.com.br (redação)
branca@revistad.com.br (adm)
(14) 3221-0780
Siga-nos