Prefeitura tenta evitar interdição do Camelódromo

O Prefeito de Marília Daniel Alonso, preocupado com a situação do Camelódromo de Marília, antecipou-se e reuniu-se na tarde desta terça-feira, dia 25, com o Promotor de Justiça Dr. José Alfredo de Araújo Santana. A ideia é evitar a interdição de imediato do local.
 
Ficou decidido que o chefe do Executivo enviará equipe de engenheiros da Prefeitura ao local para fazer um levantamento das exigências do Corpo de Bombeiros. 
 
Na próxima semana será feira uma reunião com os comerciantes e a Câmara Municipal para juntos elaborarem um plano de ação visando adequar às normas exigidas pela ação da Promotoria.
 
“Nosso intuito é evitar a interdição imediata do local, assim preservando os empregos e o trabalho dos camelôs, mas também atender às exigências da Promotoria que é garantir a segurança do local. Esse é mais um problema herdado de gestões anteriores, uma verdadeira mazela que temos que resolver”, disse Daniel Alonso. 
Compartilhar no